terça-feira, 29 de janeiro de 2008

Cat Love



video



Antes que comece toda a gente a pensar que isto é uma produção hardcore para a playboy canina, deixem-me esclarecer. O Gato Gil, actor principal deste vídeo, foi adoptado pela Sasha Margarida -que poderão reconhecer como sendo o monte de pelo caramelo que ressona ao sol de verão) - com a tenra idade de mais ou menos um mês, que foi quando o apanhei da rua. E, como ele não tinha mummy, e como a Nádia sempre foi uma antipática de primeira, e não o deixava aproximar-se sequer, o pequeno Gato Gil foi-se afeiçoando à labrador monstruosa, mas simpática, que o lambia e o deixava dormir entre as patorras imensas, com mil cuidados para não o magoar.



As mentes mais perversas decerto não deixarão de mandar bocas foleiras, mas a verdade é que a Sasha empenhou-se no seu papel de mãe de tal modo que chegou a ter leite, para gaúdio do Gato Gil, que passou muito tempo a mamar na cadela. Por muito mal que isto possa soar, era uma ternura vê-lo, muito pequenino, na barriga da Sasha, agarrado a uma maminha e com as patinhas a fazer pressão, e a Sasha, muito quietinha, para não o perturbar. Tenho fotos que comprovam isto, e não raras vezes acordei de noite com o barulho característico da sucção. Só visto...



E, acreditem ou não, há ali um laço para sempre. O Gato Gil adora a Sasha Margarida, e a Sasha Margarida adora o Gato Gil. E é uma coisa só deles, mesmo, porque a Sasha, apesar de não ser agressiva com os outros dois, também não lhes liga nenhuma. Mas é só abrirmos a porta e entrarmos em casa que ela vai logo apanhar o Gato Gil pelo pescoço e dar-lhes beijinhos caninos. O que equivale a um banho de baba todos os dias. Maluca da cadela, que quase me afoga o gato!!!!

15 comentários:

  1. Ena... que bonito é o que contas.

    Um verdadeiro amor materno entre uma cadela e um gato! Pelo menos entre eles não há discriminação de raças... coisa que ainda abunda muito entre nós, animais de 2 patas!

    Beijinhos

    ResponderEliminar
  2. Têm tanto amor para dar que até põem as espécies de lado! :)

    Dualidades JP

    ResponderEliminar
  3. isso faz-me lembrar um casal que anda aí na blogosfera...

    LOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOL ;-)

    oh páh, que coisa mais ternurenta.

    safira, és uma sortuda por contares com esses pequenos grandes momentos que fazem toda a diferença num mundo cada mais feio e fechado.

    sasha margarida??? a cadela tem o meu segundo nome páh! lool.

    adorei o remate final, o meu portatil quase caiu ao chao do estremeção q eu fiz a rir q nem uma perdida

    ResponderEliminar
  4. Eu sei que li por aqui uns comentarios quaisquer a dizer que eu era um vanadis e a vanadis um fausto, mas agora nao dou com eles... tens a bondade de me indicar onde é que eles andam?

    ----

    agora, comentando o post em questão:

    tenho de trazer a cadela tambem. nao gosto de separar familias :P

    por falar em trazer a cadela, tambem nao sei do post onde dizias q aceitavas q o gato viesse ca para casa :\

    bolas, perdi-me nestes dias

    ResponderEliminar
  5. não!!!!! a safira disse que a vanadis era uma faou procurarusta e o fausto um vanadio!

    vou procurar ja meto o link

    ResponderEliminar
  6. isto hoje anda muito esquisito...não basta trocar-me toda a falar como agora me deu para trocar tudo a escrever...

    dizia eu:

    a safira disse que a vanadis era uma fausta e o fausto um vanadio.

    =DDD

    ResponderEliminar
  7. Lindo, de facto...(olha, já tinha escrito este post, mas foi á vida, e hoje tou assim a modos ke meia tristonha, vou sair de mansinho)

    Acho que precisava era de adoptar umns bichitos desses...

    Emprestas-mos?? ;-)

    ResponderEliminar
  8. eumesma, podes levar os que quiseres menos o Gil que já está reservado para mim.

    ResponderEliminar
  9. ARGH!!!! Que ódio!!! Já tinha comentado tudo e o blogger explodiu!

    Carracinha: Pois é, os bichinhos são uns queridos, não reparam nessas coisas. Desde que se sintam amados, retribuem.

    JP: Eu também poria de lado o facto de ser morena e latina se me aparecesse um sueco louro à frente. Isso conta?

    Vanadis: pois é. Só prova que cão e gato cohabitam na perfeição. Mas tb é mérito da gatinha, que é uma santa. Sim que o rafeiro não se atura!!! Não sei como ela consegue!! :) (RAUF, grande beijo, e n me empurres na neve, tá?)
    O segundo nome da Sasha é por parte da mãe, que se chama Daisy.

    Fausto: dois dias fora e já perdeste o norte. tsk tsk tsk...
    Alto lá, que a Sasha MArgarida não fazia parte do negócio! E, se bem me lembro, tinhas ficado de comunicar a decisão da direcção... mas também já não sei em que post é que foi :(
    isto quando a alzheimer começa a minar...

    vanadis: acho que devias mesmo parar de beber...LOL

    Eu mesma: então, moça? tenho de te ir animar ao teu sítio, tá visto!
    Olha, e porque é que não adptas um gatinho? Não dá trabalho nenhum, pedem tao pouco. E podes fazer a tua vida, tal qual...e tens miminhos quando chegas a casa...
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  10. A reunião com a direcção ficou agendada para amanhã à noite. Depois comunico :P

    O post também já não sei qual é. Como já disse por aí, eu perdi-me :(

    ResponderEliminar
  11. O gato Gil "ganhou" uma mãe, a cadela Sasha Margarida, um filho! E assim os dois satisfizeram as suas necessidades e instintos. Muito boa a tua história! :)

    ResponderEliminar
  12. Que coisa absolutamente adorável!
    Que encanto!
    Saio daqui com um sorriso de orelha a orelha!
    Beijo.

    ResponderEliminar
  13. já começo a perceber que faltam 18 dias para ires pá neve com um cão e uma gata, né????? ;-) ;-) Força!!! sortudos!!! ;-)

    ResponderEliminar